quinta-feira, junho 29, 2006

Skimboard é mem' BOM!

Para quem, como eu, é fanático por este desporto ou para quem simplesmente gosta de ver uns malucos a apanhar ondas, aqui fica a hipótese de ver as performances de "deuses" como Bill Bryan, Paulo Prieto, Miles Grosman e Erik Christensen a mostrarem como se faz!

Grandes verdades

AQUI

terça-feira, junho 27, 2006

A minha boneca é melhor que a tua


Depois do último jogo do mundial assisti a muita gente com bonecada sagrada nas mãos, basicamente toda a gente compra o mesmo modelo: nossa senhora de Fátima. Se bem que o treinador da selecção optou por um modelo bem mais exótico, uma tal de nossa senhora do Caravaggio. De facto esta orgia emocional que se vive no país é na realidade um retorno à infância, boneco nas mãos e emoção à flor da pele...
Mas eu pergunto-me e então ninguém se lembra do nosso senhor?
E depois lembrei-me que ele anda muito ocupado, isto porque como toda a gente sabe este é um inspector do esperma, quem conhece a música dos Monty Phyton sabe disso. Ora se 40 mil prostitutas vão para a Alemanha ele vai andar de "mãos cheias" de trabalho, não vai ter tempo para acudir a selecção brasileira cujos jogadores têm um protocolo em que se suicidam se não bradarem aos céus depois de marcar um golo. Por outro lado também me ocorreu que se calhar a identidade do nosso salvador pode ser descoberta, isto porque claramente ele é um ambientalista da QUECUS, uma associação que assegura que nenhum esperma é desperdiçado em quecas mas sim na concepção de um pequeno ser extremamente chato. De facto o futebol está dominado pelas mulheres, elas vão ver os jogos, 40 mil vão para o mundial da queca e até a bonecada sagrada é exclusivamente feminina. Os homens que se ponham a pau, podem estar a perder território para as mulheres no capitulo da irracionalidade emotiva associada a eventos desportivos...um aviso sério que aqui vos deixo.

segunda-feira, junho 26, 2006

Então mas afinal?


Não eram estes "senhores" que se queixavam de maneira tão comovente que: "Roubar a música é matar a música. Sempre que sacas uma música estás a contribuir para que os nossos concertos acabem"? É que pelos vistos são necessários muitos mais downloads desta merda a que resolveram chamar música para que eles desapareçam definitivamente das tabelas de vendas. Anda tudo à espera de quê?

domingo, junho 25, 2006

"O Figo não é Jesus Cristo!"

Volta Scolari que estás perdoado!
O jogo de hoje foi sofrido e sobretudo déjà vu! Faz-nos lembrar os infortúnios dos portugueses aquando da expedição à Índia narrados n' Os Lusíadas! De facto, sofrer está-nos no sangue! (sobretudo, depois de acabar o mundial quando nos lembrarmos que estamos... em Portugal! O Sócrates é que deve estar feliz... assim ninguém se lembra dele!)
O jogo foi inesperado (pelo menos para mim), pois não pensei que o jogo dos holandeses fosse tão... (uma forma simpática de dizer isto)... nojento!!! Não devolver a bola ao adversário depois de jogo parado?!
Não vamos sequer falar no F.D.P. do árbitro! Cabrão do russo! Mas, pelo menos, estreou-se nas derrotas da Holanda em jogo por ele arbitrado! Será que a primeira vez para ele doeu?
O jogo foi uma porqueira! Mas, note-se, tudo por culpa dos holandeses, que jogaram sem ética nenhuma!
Mas o Scolari está de parabéns não pelo resultado do jogo, mas pela maneira como defendeu o Figo ao responder a uma pergunta maliciosa de um qualquer repórter inglês que perguntava como via o comportamento deste. Scolari disse que Jesus Cristo dava a outra face quando lhe batiam. "O Figo não é Jesus Cristo".

Post Scriptum - O Maniche é bué da fixe! :)

sábado, junho 24, 2006

"Crise política" de timor explicada por imagens




China esse estupefaciente para neoliberais

A propósito do iPod e da sua concepção na China, surgiu um debate interessante, não porque fosse muito bom mas porque nunca imaginei ver neoliberais deliciados com um regime comunista.
Existe um veneno para ratos (Racumin) que os impele de forma incrível, esse veneno exerce uma atracção sexual sobre o desgraçado tão forte que este vai de encontro ao local mesmo na presença de um ser humano. E porque é que eu mencionei isto, porque existem grandes semelhanças entre este caso e do amor neoliberal pela China, com a diferença de que num caso quem se lixa são as ratazanas que são atraídas ao local e no outro quem vai ao local é que lixa as ratazanas que por lá andam.

(ratazana chinesa, desarmada e magra, como se quer)

Será o neoliberal uma ratazana? Não, é apenas um ser humano com sentido de lucro...nada mais.
Reparo também que o neoliberalismo é uma ideologia versátil, isto porque os regimes políticos são todos bons desde que permeáveis à erosão dos direitos individuais em benefício do lucro de uns apaixonados, românticos e fogosos capitalistas, sempre prontos para "fazer amor" (ou foder, como queiram) [com] os trabalhadores.

Tal como nos problemas de Portugal, temos de voltar ao paleolítico para perceber a origem deste retrocesso mental que é defender a decadência do ser humano em prol de uns iluminados. Ora no paleolítico vivia uma espécie evoluida (quando comparada à actual) visto que existia uma verdadeira meritocracia, isto porque aqueles que produziam os artefactos (bens) eram os primeiros beneficiários dos mesmos. Havia uma ligação justa entre produzir e ser beneficiado por essa mesma produção, agora arranjamos um sistema sofisticado de roubo, em que em função de números e especulação sobre os mesmos conseguimos por quem trabalha a viver na miséria e quem coça a micose a gerir os lucros dessa mesma produção. O ser humano da actualidade vive fascinado por quem consegue tal sofisticação e ainda justificar tudo baseado (veja se lá) na meritocracia, vivemos fascinados pela aldrabice e ambicionamos sempre subir os padrões da mesma. O processo inteligente da actualidade não é o conhecimento, a descoberta ou processo de compreensão lógica e associativa da realidade é sim a forma como conseguimos manipularmo-nos mutuamente. Tenho sérias esperanças que o período actual venha a ser denominado pelos historiadores e sociólogos como "recticionismo", marcado pela audácia e astúcia de invadir os rectos uns dos outros sem no entanto deixar que se contraia o matrimónio.

(meritocracia paleolítica)

terça-feira, junho 20, 2006

Este homem está lá!

Onde? - perguntam vocês. Lá! - respondo eu.
(Vou-me deixar de paleio barato e deixo-vos com o video!)

segunda-feira, junho 19, 2006

Anda aí um mamífero escondido...



...de seu nome Golfinho e que merecia uma carga de lenha porque regressa à blogosfera e acha que o acaso deve fazer o resto.
Meu amigo, quando se chega à blogosfera é tocar as trombetas para o pessoal saber que chegaste, porque, ao contrário de ti, não sou bruxo.
Dá vontade de...coiso pá.

O gajo está aqui...



E aqui...

Ideologias

Talvez a ideologia mais estúpida seja a que afirma a morte das ideologias.



domingo, junho 18, 2006

Joga bonito?????

Uns ganham...outros perdem!

Em relação ao post do João sobre as eleições na Eslováquia posso afirmar que nem tudo são más notícias! Assim o comprova ESTA notícia do Expresso que será desenvolvida amanhã e que, para já, traz alguns dados interessantes sobre o(s) movimento(s) de extrema-direita em Portugal.

João: aí está uma prova de que quanto mais se desmascaram estas pessoas, mais elas se dividem (Zangam-se as comadres...desmembram-se as comunidades!). E para além disso, não podemos fazer com que se esqueçam os crimes cometidos pelos ídolos que adoptam!

Apesar de gostar de ténis...


...tenho de admitir que é um desporto para gente fina.

Opinar...

"Ter opiniões é estar vendido a si mesmo. Não ter opiniões é existir. Ter todas as opiniões é ser poeta."

in O Livro do Desassossego

O Estado social minado por dentro

Talvez um dos segredos para podermos ter um Estado verdadeiramente social resida no facto de elegermos para esse papel alguém que de facto queira um Estado social.
Durão e Sócrates por exemplo não serão os melhores modelos no "mercado eleitoral" para desempenhar esse papel, porquê eleger para um papel alguém que pretende minar a "empresa Estado", é o suícidio colectivo. Será que a Nike esolheria para gestor da sua empresa um jovem miúdo paquistanês, daqueles que cosem muito bem, estão a ver? Não me parece...
Então porque raio havemos nós de escolher para alto dirigente do Estado alguém que o quer destruir? Pois claro, porque somos patos.
Porque é que todos nós ficamos todos tristinhos quando se fecham maternidades, mas afinal ainda alguém não percebeu o que significa Estado social? Será que ninguém percebeu a lógica de redução de custos preconizada pelo nosso neoliberal de eleição Sócrates? Porque será que precisamos ser tão" sigilosos" em que relação ao dinheiro? Porque será que o divino lucro não pode ser taxado? Porque será que não devemos "hostilizar" os detentores dos meios de produção? Porque será que as pessoas confundem economia com capitalismo? Porque será que a imprensa promove essa confusão? Porque será inevitável o despedimento colectivo e não o fim do sigilo bancário? Porque será que eu desperdiço o meu latim, sabendo que só quem partilha da minha opinião vai perceber e pensar sobre isto???
Pois claro, porque sou um pato.

Mais um pato a grasnar

Ok a esquerda ganhou na Eslováquia mas...

...pode-se ler isto na notícia:

"A grande surpresa destas eleições foram os resultados da extrema-direita. O Partido Nacional Eslovaco (SNS), assumidamente anti-húngaro e anti-cigano, ficou em terceira posição no escrutínio, com 11,7 por cento dos votos (20 assentos parlamentares)."

Será que alternativa ao neoliberalismo está entre a esquerda e a xenofobia?
Estará a solução em simultâneo nos antípodas do espectro político?
Meus amigos comecem a dar corda ao cérebro, caso contrário a situação toma dimensões preocupantes. A ignorância no século XXI está a conquistar muito espaço, estamos em período de recessão intelectual...

Renovar = morrer?

Muitas das mortes que têm acontecido de altas figuras (excepto Cunhal e mulher) do PCP têm sido da ala renovadora, assim sendo renovam-se morrendo???

quinta-feira, junho 15, 2006

Ora vai-se à volta

Visto que a Tv Cabo decidiu pura e simplemente interromper a emissão do canal M6 quando este emite jogos do mundial, aconselho vivamente a ler este post no Armadilhas e descarregar o utensílio que permite ver os jogos.

segunda-feira, junho 12, 2006

sexta-feira, junho 09, 2006

Assim ninguém nos pára!

A nossa economia vai de vento em popa! Com um crescimento de 0,5% no primeiro trimestre deste ano e a prever-se um crescimento de 1% no fim do ano temos garantias de que estamos no caminho certo! Só é pena continuarmos a crescer a um ritmo muito mais baixo do que os outros países da U.E. (Espanha, por exemplo, no mesmo período já cresceu 3,5%)!
Até os comemos, carago!

Recomendação do "Prof. Marcelo"

"House M.D." é mais uma série televisiva sobre uma equipa de médicos altamente qualificada, liderada por um irreverente e controverso especialista em doenças contagiosas que nem nos próprios pacientes acredita! No entanto, apresenta-nos de uma maneira original os diferentes casos que vão passando pelo hospital, misturando humor com realidades menos apetecíveis, fazendo desta série uma das mais refrescantes que tenho visto! Para ver às quintas à noite na TVI!

Tudo somado dá terrorismo

Terroristas ocidentais congratulam-se pela morte de terrorista Islâmico.

quarta-feira, junho 07, 2006

Canção da semana

Hoje tão actual como há 13 anos atrás.

Racismo preconceito e discriminação em geral
É uma burrice coletiva sem explicação
Afinal que justificativa você me dá para um povo que precisa de união
Mas demonstra claramente
Infelizmente
Preconceitos mil
De naturezas diferentes
Mostrando que essa gente
Essa gente do Brasil é muito burra
E não enxerga um palmo à sua frente
Porque se fosse inteligente esse povo já teria agido de forma mais consciente
Eliminando da mente todo o preconceito
E não agindo com a burrice estampada no peito
A "elite" que devia dar um bom exemplo
É a primeira a demonstrar esse tipo de sentimento
Num complexo de superioridade infantil
Ou justificando um sistema de relação servil
E o povão vai como um bundão na onda do racismo e da discriminação
Não tem a união e não vê a solução da questão
Que por incrível que pareça está em nossas mãos
Só precisamos de uma reformulação geral
Uma espécie de lavagem cerebral

Não seja um imbecil
Não seja um Paulo Francis
Não se importe com a origem ou a cor do seu semelhante
O quê que importa se ele é nordestino e você não?
O quê que importa se ele é preto e você é branco?
Aliás branco no Brasil é difícil porque no Brasil somos todos mestiços
Se você discorda então olhe pra trás
Olhe a nossa história
Os nossos ancestrais
O Brasil colonial não era igual a Portugal
A raiz do meu país era multirracial
Tinha índio, branco, amarelo, preto
Nascemos da mistura então porque o preconceito?
Barrigas cresceram
O tempo passou...
Nasceram os brasileiros cada um com a sua cor
Uns com a pele clara outros mais escura
Mas todos viemos da mesma mistura
Então presta atenção nessa sua babaquice
Pois como eu já disse racismo é burrice
Dê a ignorância um ponto final:
Faça uma lavagem cerebral

Negro e nordestino constróem seu chão
Trabalhador da construção civil conhecido como peão
No Brasil o mesmo negro que constrói o seu apartamento ou que lava o chão de uma delegacia
É revistado e humilhado por um guarda nojento que ainda recebe o salário e o pão de cada dia graças ao negro ao nordestino e a todos nós
Pagamos homens que pensam que ser humilhado não dói
O preconceito é uma coisa sem sentido
Tire a burrice do peito e me dê ouvidos
Me responda se você discriminaria
Um sujeito com a cara do PC Farias
Não você não faria isso não...Você aprendeu que o preto é ladrão
Muitos negros roubam mas muitos são roubados
E cuidado com esse branco aí parado do seu lado
Porque se ele passa fome
Sabe como é:
Ele rouba e mata um homem
Seja você ou seja o Pelé
Você e o Pelé morreriam igual
Então que morra o preconceito e viva a união racial
Quero ver essa musica você aprender e fazer
A lavagem cerebral

O racismo é burrice mas o mais burro não é o racista
É o que pensa que o racismo não existe
O pior cego é o que não quer ver
E o racismo está dentro de você
Porque o racista na verdade é um tremendo babaca
Que assimila os preconceitos porque tem cabeça fraca
E desde sempre não para pra pensar
Nos conceitos que a sociedade insiste em lhe ensinar
E de pai pra filho o racismo passa
Em forma de piadas que teriam bem mais graça
Se não fossem o retrato da nossa ignorância
Transmitindo a discriminação desde a infância
E o que as crianças aprendem brincando
É nada mais nada menos do que a estupidez se propagando
Qualquer tipo de racismo não se justifica
Ninguém explica

Precisamos da lavagem cerebral pra acabar com esse lixo que é uma herança cultural
Todo mundo é racista mas não sabe a razão
Então eu digo meu irmão
Seja do povão ou da "elite"
Não participe
Pois como eu já disse racismo é burrice
Como eu já disse racismo é burrice
Como eu já disse racismo é burrice
Como eu já disse racismo é burrice
Como eu já disse racismo é burrice

E se você é mais um burro
Não me leve a mal
É hora de fazer uma lavagem cerebral
Mas isso é compromisso seu
Eu nem vou me meter
Quem vai lavar a sua mente não sou eu
É você!

Filme da semana

http://www.imdb.com/title/tt0120586/

terça-feira, junho 06, 2006

Entre...

...as várias vantagens do nuclear encontram-se estas.

Via Devaneios Desintéricos

Cavaco e o "lobby" gay



É demais evidente o desconforto em ver mulheres sentadas no parlamento, torna-se assim óbvio que este veto de Aníbal foi uma manobra engendrada juntamente com o "lobby" gay. Pelo menos podemos ficar reconfortados porque o casamento homossexual deve vir a ser aprovado, visto que as novas companhias de Cavaco são parte interessada. Aníbal também conhece a mulher dele e tem experiência na matéria, este terá pensado: "se elas não forem para lá de avental e de aspirador, o que vão lá fazer?"
A estas inquietantes perguntas Aníbal não conseguiu responder, logo o caminho a seguir era o do veto que era lógico e também porque os seus novos "amiguinhos" também não percebiam a vantagem de desperdiçar 33% do espaço da assembleia com mulheres.

Agora num registo sério:
Se lermos este artigo podemos tirar algumas ideias de como melhorar a lei da paridade, mais uma vez a melhor parece mesmo vir de Espanha. Uma ideia interessante vem de França e que consiste em subtrair "à subvenção estatal percentagem equivalente à fatia em falta na composição das listas." Diga-se que apesar disto os partidos preferiram receber menos dinheiro do Estado do que cumprir os requisitos da paridade, no entanto registaram-se evoluções. Na Suécia existe um mecanismo de auto-regulamentação e como toda gente sabe as mulheres suecas levaram aquele país à ruina, porra não queria ser sueco...coitadinhos a viver na miséria.
Em Espanha os intervalos concebidos para a paridade são sem dúvida os melhores, sendo que "o número de candidatos de cada um dos sexos não seja superior a 60 por cento nem inferior a 40 por cento." Já agora, descontando hermafroditas, havendo homens e mulheres como raio é que podemos ter menos de 40% de mulheres se tivermos menos de 60% de homens ou vice versa? Esta malta tem um sentido de humor... ou então menospreza a inteligência leitor.
Mas voltando ao assunto, a argumentação de Aníbal é lógica no entanto se fizermos um regsito de prioridades talvez fique mais claro o porquê deste veto continuar a ser injusto.

"A objecção de fundo que coloco ao mérito do diploma centra- se, precisamente, na circunstância de o seu artigo 3º, ao prever a possibilidade de rejeição das listas de candidaturas desconformes com o respectivo preceituado, se afigurar como um regime sancionador excessivo e desproporcionado e, como tal, desadequado para preencher os fins prosseguidos pela mesma legislação", considerou o Presidente da República na mensagem que enviou ao Parlamento."

Ok, tudo bem, mas se pusermos as duas situações que estão em jogo percebemos que este argumento peca por uma questão de prioridades. Assim sendo o que é mais grave? Um partido não poder apresentar a sua candidatura, ou o sexo feminino nem sequer ter 33% de representação parlamentar?
Para mim claramente a prioridade passa por garantir a segunda condição, sendo que mais de metade da população tem de estar representada no parlamento, e se eventualmente alguém está a pensar que os homens podem representar bem os interesses das mulheres no parlamento então analise-se a questão da lei da paridade em si...é, não é?? Pois é.

domingo, junho 04, 2006

Falar e depois talvez pensar


Visto que estudos de carácter rigoroso e científico nos mostram que as mulheres falam e só depois pensam, torna-se óbvia a sua inaptidão para o exercício do cargo político.
Ora quem não deve ter ficado indiferente a esse estudo foi o PR Aníbal que de forma misericordiosa vetou a injusta lei da paridade.

P.S. Quem duvida da evidência científica, é favor ver o vídeo que se encontra abaixo deste post.

P.S.2 Para quem não me conhece, não quer conhecer ou não foi capaz de descortinar a ironia que parecia evidente no amontoado de barbaridades que eu disse aqui fica o link aonde eu digo o que verdadeiramente penso sobre a matéria.

P.S.3 Queria também fazer uma "menção honrosa" ao PCP que através da voz de Jerónimo Sousa mostrou que consegue ser tão conservador como a nossa admirável direita (nem toda claro). Aliás às vezes os extremos tocam-se e quando se tocam não sai coisa bonita...